04/19/11

Sacola plástica: Proibida.

Pois é! Belo Horizonte é a primeira capital a banir a sacola plástica. .

Acabou que eu esqueci deste detalhe. Na verdade, eu nunca tinha dado muita atenção a isso, achando que nunca iria funcionar, ainda mais por aqui, que é uma cidade gigante, superlotada de mercadinhos e supermercados. Fui na padaria, bater aquele velho rango depois do trabalho e antes da academia e aproveitei para compras algumas coisas. Resumindo: R$ 0,20 cada sacola plástica, caso eu quisesse utilizá-las, ou R$ 5,00 por uma sacola de pano, daquelas que você tem que levar sempre que for ao mercado.

Acabou que optei pela de pano que, sempre que eu me lembrar (HAHAH), ela estará dentro do carro. Problema vai ser quando esquecê-la. ¬¬

Troletada de R$ 5,00

 

A partir de agora, somente serão permitidas sacolas biodegradáveis, que levam 180 dias para se decomporem, ou as retornáveis. Caso o consumidor opte pelos produtos, poderá adquiri-los, na maioria dos supermercados, ao preço de R$ 0,19 (sacola biodegradável) e R$ 2,29 (sacola retornável), em média.

O projeto de lei é uma iniciativa do vereador Arnaldo Godoy (PT). Ele explica que, depois de ser procurado por ambientalistas, apresentou o projeto em 2007, com a proposta de um prazo de três anos para os comerciantes se adequarem. O prazo venceu no dia 28/03, ressalta ele. “As sacolas de plástico de polietileno demoram de 300 a 400 anos para se decompor. Já as biodegradáveis levam 18 anos. Teremos multas de R$ 1.000, depois a multa aumenta e o comerciante pode até perder o alvará de funcionamento se não seguir a lei”, conta ele.

 

- Eu apoio a causa, só não acho que será severamente cumprida. Veremos se estou certo, ou não.

Abraços.

FuiZ! o/